RUSH

SPIDER 2

terça-feira, 28 de julho de 2015

Tropa Trupe apresenta A Lenda do Trapezista Cego no Teatro Riachuelo próxima quinta-feira

A Tropa Trupe leva a magia do picadeiro ao palco do Teatro Riachuelo, no próxima quinta-feira, dia 30 de julho, às 20h, com o espetáculo "A Lenda do Trapezista Cego". Unindo personagens clássicos como a mulher barbada, o domador, o mágico e o faquir, à linguagem contemporânea, a trupe conta a história de um palhaço e um mágico, únicos sobreviventes de um incêndio no circo, que têm o compromisso de trazer de volta à lona os seus tempos de esplendor, contando com a ajuda de um grupo fantasmagórico.
O espetáculo, que é bastante divertido e para todas as idades, tem entrada gratuita graças ao patrocínio da Unimed Natal e da Prefeitura de Natal através da Lei Djalma Maranhão.
O espetáculo "A Lenda do Trapezista Cego" foi concebido em parceria da Tropa Trupe com a Companhia Internacional Sin Plugares, a partir das afinidades entre o grupo brasileiro e o diretor argentino Walter Velázquez. O ponto de partida para a criação do roteiro foram os contos e causos vividos e contados sob a lona que por anos serviu de sede do grupo potiguar, após pertencer a outras companhias Rio Grande do Norte e acumulou muitas histórias. Uma delas foi a morte de um trapezista que enxergava muito pouco, pertencente à tradicional família circense potiguar do Circo Saturno, que serviu de inspiração para a trama.
No peça, essa inspiração se transforma na história do único trapezista cego do mundo, que morre durante um incêndio no circo, provocado por um raio que atingiu a lona. Os únicos sobreviventes da tragédia são o palhaço – melhor amigo do trapezista –, e o mágico, que, ao ver saber do incêndio, se ‘esconde’ em seu espelho ‘mágico’, onde fica preso. Juntos, eles prometem trazer de volta a alegria e o público ao circo.
Engana-se quem pensa que esta é uma história trágica. É que, para cumprir com a promessa, a dupla enfrenta aventuras diversas como as tentativas de libertar o mágico do espelho, conversas com os fantasmas de personagens como o domador, a mulher barbada e o trapezista. No espetáculo, as técnicas de clowns e do circo tradicional se fundem, permeadas pelo humor e irreverência característicos da Tropa Trupe.
“Nossa proposta é divertir e ao mesmo tempo provocar uma reflexão”, afirma Rodrigo Bruggemann, um dos fundadores da Tropa Trupe. “A morte não precisa, obrigatoriamente, significar o fim de tudo. A ideia é recomeçar a partir dela”, completa. No espetáculo, ele divide o palco com Gabriel Rodriguez e Wendel Gabriel, interpretando, cada um, três dos nove personagens do espetáculo.

SERVIÇO:
Espetáculo: A Lenda do Trapezista Cego - Da Tropa Trupe
Data: Dia 30 de julho (quinta-feira)
Horário: às 20h
Local: Teatro Riachuelo
Entrada: Franca

Foto: Maurício Cuca/ release G7 Comunicação
Postar um comentário