Seguidores

boo-box

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Mossoró pode entrar na Rota das Falésias com o apoio de Henrique Eduardo Alves

Representantes do Ceará e do Rio Grande do Norte reuniram-se com o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, para discutir a ampliação da Rota das Falésias até a região de Mossoró (RN). Com a medida, a segunda maior cidade do RN, deverá ser incluída na região turística cearense, que tem a praia de Canoa Quebrada (Aracati), como a principal atração na Costa do Sol Nascente. Com a ampliação, o produto passaria a ser chamado Rota das Falésias e Águas Termais.

A duplicação da rodovia litorânea CE-040 até a BR-304, as águas termais e a conclusão do aeroporto regional de Aracati, distante 90 quilômetros de Mossoró, reforçam o pleito do turismo potiguar. Canoa Quebrada figura entre os 65 polos indutores do turismo brasileiro, ou seja, exerce influência sobre o turismo regional, além da fronteira cearense. De acordo com o hoteleiro mossoroense, Gabriel Barcellos, representante da ABIH-RN, no contexto do turismo regional, a vinculação de Mossoró e região a Rota das Falésias cearenses fortalece o turismo local. O projeto não inviabiliza a participação do município no polo Costa Branca pelo lado potiguar.

“A ação conjunta de municípios turísticos é bem vista pelo Ministério (do Turismo) na medida em que fortalece o setor. Todos saem ganhando”, comentou Henrique Eduardo Alves. Outro aspecto apresentado como estratégia do projeto é o investimento em infraestrutura turística de Canoa Quebrada e apoio ao calendário de eventos para integração do turismo regional.

O deputado José Guimarães (CE) citou como exemplo da Rota das Emoções já consolidada pelos estados do Ceará, Piauí e Maranhão na Costa do Sol Poente, como exemplo de integração para reforçar a medida que aproxima o RN do Ceará. O superintendente do Sebrae/CE, Joaquim Cartaxo, sugeriu a formalização de uma parceria com o Sebrae/RN e Nacional para desenvolver o projeto.  
 OBS: Gabriel Bracellos, do Hotel Thermas ABIH/Mossoró (último à esquerda sentado e, à esquerda do ministro, na foto de pé)
 Fotos: Paulino Menezes
Assessoria de Imprensa
Ministério do Turismo
twitter: @HenriqueEAlves
Postar um comentário