sexta-feira, 3 de julho de 2015

Projeto Cidade Viva: Via Costeira volta com formato ampliado e melhorado


O Projeto Cidade Viva: Via Costeira volta neste domingo (5) com novo formato: mais opções de entretenimento, esporte e lazer, horário ampliado, novas ofertas de serviço e agora gerando receita para o turismo do Estado.
O conceito do projeto está mantido: uma faixa da Via Costeira permanece aberta apenas ao lazer da população todos os domingos, agora das 14h às 22h. O percurso terá extensão de 2,5 quilômetros, a partir do Centro de Convenções.
Diante da aceitação social do ‘Cidade Viva’ e cobrança pela sua manutenção, desde a primeira semana do novo governo, o titular da secretaria estadual de Turismo, Ruy Gaspar, trabalha no novo formato do projeto.
“Vimos que desde o início empresas ‘colaboravam’ no projeto com montagem de tendas, banheiro químico e outros equipamentos adesivados com suas marcas. Ou seja: usavam o espaço público para divulgar suas empresas. Decidimos, então, vender esses espaços e arrecadar dinheiro para o Estado”, explica Ruy Gaspar.
Um processo de licitação pioneiro no Estado potiguar foi aberto para contratação de uma agência que passa a gerir o projeto. Essa empresa atrairá investidores interessados em divulgar suas marcas no Cidade Viva sob pagamento de cotas. E 22% dessa arrecadação serão revertidos ao Fundo Estadual de Turismo.
Se antes o projeto demandava cerca de R$ 12,5 mil mensais para o cofre estadual, a partir deste domingo o Governo do Estado passará a arrecadar com o evento!

Melhorias
Entre as melhorias apresentadas com este novo formato, além do horário ampliado, está a fixação de pórticos no início e no fim do percurso; novos espaços, como o Espaço Kids (animado por recreadores), Espaço Cultural (com apresentação de artistas locais), e Espaço Pôr-do-Sol (para contemplação e apresentações musicais no fim da tarde).
Outras melhorias dizem respeito a parcerias firmadas com instituições privadas de saúde e academias, para prestação de serviços de aferição de pressão arterial, taxa de glicose, índice de gordura, etc., além de exercícios funcionais e de preparação física.
Está previsto a locação de bicicletas e skates, além de armários para guardar apetrechos. Será montado ainda um mini-mirante (estrutura removível) para contemplação. E, ao longo do percurso, serão instaladas duchas temporizadas para aliviar o calor e ajudar na hidratação.

A empresa Preview Promoções e Eventos, vencedora da licitação, é responsável pela manutenção do projeto durante um ano, com ou sem patrocínio. Um fiscal da Setur RN acompanhará cada edição do Cidade Viva.

Créditos foto: Canindé Soares
Postar um comentário