Seguidores

terça-feira, 6 de outubro de 2015

Operadores internacionais promoverão turismo potiguar na Europa, África e América do Sul

Oito operadores internacionais oriundos de três continentes foram convidados pelo Governo do RN para conhecerem pontos turísticos do Estado potiguar. A intenção é que a experiência nesses lugares se transforme em promoção em seus respectivos países.
Durante três dias, operadores do Chile, Argentina, Bolívia, Uruguai, Suécia e Argélia foram guiados a alguns dos principais atrativos turísticos do RN, a exemplo do passeio de buggy em Jenipabu, e dias de natureza, gastronomia e hospedagem em São Miguel do Gostoso e Pipa.
Os operadores foram convidados pelo Sebrae/RN para participar do Encontro Internacional de Negócios do Nordeste, que aconteceu até dia 2 de outubro. A Secretaria de Estado do Turismo e Empresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur) aproveitaram para oferecer o Famtour.
Para o operador argelino Mohamed Idir Boukert, o Rio Grande do Norte possui os atrativos que o povo argelino – ou mesmo o africano – gostam de curtir. E a proximidade do país com Portugal, de onde há voo direto para Natal, também facilita a promoção do Estado potiguar.
“É minha primeira vez no Brasil e, claro, no Rio Grande do Norte. Gostei muito de tudo o que vi, mas a hospedagem, a rua cheia de cafés, bares e restaurantes, o clima do lugar e as pessoas amigáveis que vi em Pipa foi, sem dúvida, o melhor”, opina o argelino Mohamed.
Para o operador sueco Lennart Sjoblom, o binômio sol e mar é sempre um atrativo buscado pelo povo escandinavo e Natal já é destino consolidado. Mas os preços abusivos praticados durante a Copa da Fifa, em Natal e nas outras cidades-sedes afastaram um pouco o turista sueco.
“Isso deixou má impressão do Brasil. Os escandinavos são turistas costumeiros e já conhecem a infraestrutura oferecida no país, e se sentiram lesados durante esse período do evento. Mas diante do que temos aqui, há como trabalhar o resgate dessa imagem tão bonita da cidade”. 

Postar um comentário