sábado, 23 de janeiro de 2016

Pedreiro que se formou em direito já faz pós-graduação

Ver as imagens
Você se lembra de Joaquim Corsino dos Santos? O pedreiro de 63 anos, que ficou famoso no fim do ano passado na internet após ter sua história de vida detalhada, já está estudando na pós-graduação.
Morador de Vitória (ES), Joaquim ganhou notoriedade após uma matéria da rede A Gazeta que contava a sua rotina; 42 km por dia de bicicleta para estudar na faculdade, entre Cariacica e a capital capixaba.
Ao mesmo veículo, o pedreiro contou que seu sonho ainda é ser delegado. “Vou lutar por isso e vou conseguir, se Deus quiser. Estou me dedicando muito. Quero ser delegado.”
O outro objetivo profissional dele é passar na prova da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), marcada para o mês que vem.
Trajetória
Mineiro de Itaumirim, Joaquim chegou ao Espírito Santo aos 18 e sua única formação era um curso técnico em Administração, que concluiu com pouco mais de 20. 
Porém, como não conseguiu passar no vestibular de Ciências Contábeis ainda na década de 1980, abandonou os estudos para trabalhar como ajudante de obra e, posteriormente, como pedreiro.
Ver as imagens
Sem desmerecer a rotina de tijolo e argamassa, a vontade de estudar foi maior que qualquer coisa. Ao longo das décadas, ele reuniu R$ 55 mil e conseguiu realizar seu sonho pouco menos de 40 anos depois.
Mesmo assim, enfrentou problemas: apesar de ter iniciado os estudos em 2008, precisou trancar a faculdade. “Um amigo me pediu R$ 4.500 emprestados e não pagou. Aí tive que juntar mais dinheiro para poder pagar o custo todo”, conta. “Sou um camarada que gosta das coisas honestas. Sempre quis fazer um curso de direito para ajudar outras pessoas.”
Em 2012, voltou às aulas e não parou mais. Em setembro do ano passado, foi destaque da turma por sentar sempre na cadeira da frente, se dedicar bastante e nunca faltar. 
A história de Joaquim – na ocasião divulgada também no Encontro com Fátima Bernardes – inspira muito o seu sobrinho Ralf, que ainda tem tempo para buscar o caminho que quer seguir: “É a primeira vez que eu vejo alguém da minha família se formando”, disse então o emocionado Ralf Santos.
(Imagens: Reprodução/Rede A Gazeta) Fonte: Yahoo Notícias
Postar um comentário