Seguidores

quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Rede Municipal de Ensino ainda dispõe de quase 1.500 vagas

Desde a última segunda-feira, 04, a Rede Municipal de Ensino está realizando o processo de matrícula para alunos novatos. O prazo se encerra na próxima sexta-feira, 08. Muitos pais, mães ou responsáveis de crianças e adolescentes já garantiram suas vagas. Entretanto, várias Unidades de Educação Infantil (UEI) e Escolas de Ensino Fundamental ainda dispõem de vagas. São quase 1.500 vagas que ainda estão à disposição.
“Antes do processo de matrícula ser iniciado, a Secretaria Municipal da Educação realizou, com muita responsabilidade, um levantamento da necessidade para que a demanda pudesse ser totalmente atendida. E, como acontece todos os anos, o prazo de matrícula se encerra e muitas vagas sobram e ficam à disposição dos retardatários”, informou Mariza Pinto, secretária adjunta da Educação.
Para a Educação Infantil, o município dispõe ainda de quase 700 vagas nas UEIs das zonas urbana e rural. Para as crianças que deverão ser matriculadas no Ensino Fundamental, de 1º ao 5º Ano, são mais de 250 vagas disponíveis. Já para os adolescentes que cursarão os anos finais do Ensino Fundamental, do 6º ao 9º Ano, são mais de 500 vagas.
“Os números de vagas ainda disponíveis não são exatos, pois a todo momento as secretarias das UEIs e das Escolas de Ensino Fundamental estão realizando matrícula de alunos que estão chegando à nossa rede municipal. Entretanto, este número aproximado demonstra que a Rede Municipal de Ensino possui estrutura para atender a demanda”, explicou Mariza Pinto.
“Em algumas escolas, como Manoel Assis, Rotary e Raimundo Fernandes, não é mais possível matricular alunos. Entretanto, informamos que a Secretaria Municipal da Educação está à disposição dos pais para auxiliar na busca da escola mais próxima de suas residências. E para isso disponibilizamos o telefone 3315-4942 para fazer esse atendimento”, completou a secretária adjunta da Educação.
Erisberto Rêgo, 07 de Janeiro de 2016 às 09h54min
Fotografia: Raul Pereira
Educação

Postar um comentário