Seguidores

sábado, 28 de maio de 2016

Lula vê escolha de Dilma como seu erro mais grave, diz Sarney em áudio

Em um novo trecho da gravação de diálogos seus com o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, o ex-senador José Sarney (PMDB-AP) afirma que  Lula disse que a escolha de Dilma Rousseff para sucedê-lo como seu “mais grave erro”.
A transcrição do diálogo foi veiculada pela edição deste sábado (28) do “Jornal Hoje”, da TV Globo. A reportagem não reproduz o áudio, que é narrado pelo repórter. 
Ver as imagens
Segundo o “Jornal Hoje”, a conversa foi gravada por Machado na casa de Sarney. O nome do ex-presidente Lula não é citado, mas a reportagem diz que fica claro, para os investigadores, que a conversa é sobre ele.
No diálogo, Machado diz a Sarney: “Agora, tudo por omissão da dona Dilma”, em uma referência às investigações da Lava Jato que atingem o mundo político.
Sarney responde: “Ele chorando. O que eu ia contar era isso. Ele me disse que o único arrependimento que ele tem é ter eleito a Dilma. Único erro que ele cometeu. Foi o mais grave de todos.”
Em nota ao “Jornal Hoje”, o Instituto Lula informou que o petista já teve seus sigilos bancário e fiscal quebrados, analisados e divulgados. E que caberia aos autores das frases e gravações comentarem suas declarações privadas divulgadas ilegalmente.
Ao jornal Folha de S. Paulo, o instituto diz que “o vazamento ilegal das gravações é mais uma evidência de que, depois de investigar por mais de dois anos, o Ministério Público Federal não encontrou sequer um fiapo de prova contra Lula. Porque Lula sempre agiu dentro da lei”. 
Foto: AFP/Yahoo Notícias
Postar um comentário