domingo, 19 de junho de 2016

Cidade medieval secreta é descoberta na Ásia

Sudeste da Ásia. Lugar úmido, coberto por densas florestas tropicais e cheio de histórias antigas e instigantes. Ali, entre as árvores, se destaca um templo antigo; tão antigo que toda a sua superfície está coberta por uma grossa camada de vegetação - o templo de Angkor. Até agora, achava-se que a construção era a última ruína da maior civilização do século XII, o império Khmer. Mas os arqueólogos estavam enganados: Angkor, na verdade, é apenas parte de uma cidade imensa que a floresta engoliu e escondeu do mundo por séculos. E o resto desse império acaba de ser encontrado. 
Foto ilustrativa (Pixabay)
Quem descobriu  foi um grupo de arqueólogos liderados por Damian Evans, da Universidade de Sydney, na Austrália. Eles sobrevoaram o Camboja e usaram um scanner a laser para mapear, lá de cima, toda a superfície da região - mais de 1.900 km². A tecnologia (LiDAR - light detections and ranging, ou detecção e busca por luz), usada por militares para encontrar submarinos, revelou uma cidade imensa, bem no coração do império Khmer, de 678,5 km². Além da cidade, os arqueólogos descobriram também um complexo sistema de captação, reserva e transporte de água, que permitia aos habitantes sobreviver aos períodos sem chuva na região. Esse tipo de sistema só seria utilizado séculos depois por outras civilizações, segundo os autores do estudo.
O império Khmer já é conhecido desde o século XIX, quando um jovem explorador francês chamado Henri Mouhot encontrou o templo de Angkor. Hoje, o local é uma das atrações turísticas mais visitadas no Camboja, mas a história do povo Khmer ainda tinha vários buracos, que intrigavam os pesquisadores.
A descoberta respondeu algumas das perguntas dos cientistas. O império entrou em colapso por causa de mudanças climáticas na região, quando o sistema de captação de água parou de funcionar e as plantações definharam. Então, os habitantes foram deixando a cidade aos poucos, e, no século XVI, o império caiu e não conseguiu se reerguer. Até agora, acreditava-se que a cidade tivesse sido destruída por um ataque do povo hai - e por isso teria desaparecido. É, Indiana Jones: com uma tecnologia dessas, seus serviços são dispensáveis.
Fonte: Yahoo Notícias
Postar um comentário