SPIDER

quinta-feira, 2 de junho de 2016

"Ladra BBB" e namorado são presos depois de vídeos de furtos na Capital

Depois de reportagem publicada pelo Portal Correio do Estado, Zenio Silva Junior e Ana Caroline Rosa, a "ladra BBB" foram presos no início da tarde de hoje acusados de furtarem pelo menos quatro estabelecimentos comerciais da Capital. Duas vítimas que não quiseram se identificar trabalham em lojas do Shopping Campo Grande. Outras duas são do Camelódromo. Estimativa é de que a dupla furtou nestes locais mais de R$ 1 mil, mais documentos pessoais.
Os dois foram localizados pela polícia a partir de um vídeo, publicado ontem (31) por uma das vítimas, Ricardo Félix. Nas imagens a mulher aparece tentando pegar o dinheiro do caixa várias vezes, enquanto o namorado distrai a funcionária. Sem medo de ser reconhecida pelas câmeras a mulher chega a olhar para o equipamento antes de cometer o furto.
“Ontem, por volta das 17h20min a funcionária me ligou e contou que achava que tinha sido roubada. Quando cheguei lá, a câmera de segurança mostrou que a mulher realmente furtou do caixa aproximadamente R$ 500”, contou Ricardo Félix, que gerencia quatro lojas de aparelho celular do Camelódromo.
Ainda segundo ele, enquanto o namorado distraía a funcionária, a mulher tentava pegar o dinheiro do caixa. “Depois que ela pega o dinheiro ela agradece a vendedora e vai embora”, detalhou Ricardo.
Zênio e Ana Caroline foram presos (Fotos: Reprodução / Facebook)
Depois da reportagem do Portal Correio do Estado com o vídeo, outras vítimas do mesmo casal começaram a aparecer. “No dia 16 de maio o namorado dela foi no meu box e falou que tinha sido preso por que o celular que eu tinha vendido era roubado. Meu pai pediu desculpas e ainda deu o valor que ele pediu, R$ 150. Um amigo da nossa família é policial, puxou a ficha do rapaz e viu que ele não era boa gente”, explicou a filha e funcionária de dono de outro box, que não quis se identificar.
Ainda segundo ela, uma semana depois, por volta do meio dia, os dois retornaram à banca, porém como a mesma estava fechada para o almoço, foram embora. “Quando fui abrir a banca depois do almoço os vizinhos falaram que o casal havia acabado de sair de lá. Acionamos os seguranças do local mas a dupla não foi encontrada dentro do Camelódromo”, ressaltou.
No Shopping Campo Grande o furto foi praticado no dia 6 de maio, perto do dia das mães. A suspeita entrou em loja de acessórios e em menos de um minuto pegou uma carteira que estava atrás do balcão. Nesse crime, foi levado menos de R$ 100 da gerente do comércio, além de documentos pessoais e cartões de crédito.
"Essa mulher já tinha vindo na loja outra vez. Ela parece que sabia que eu deixava minha carteira ali. Só não levou o dinheiro da loja porque o caixa não era do lado que ela estava", comentou a gerente, que também pediu para não ser identificada.
Segundo apurado pela reportagem, a mesma mulher é suspeita de furtar outra loja que fica dentro de um hipermercado e ter levado R$ 200. Esse crime foi praticado um dia depois ao furto do shopping.
PRISÃO
A prisão dos dois ocorreu por meio de denúncias anônimas. A suspeita da polícia é de que já estava sendo monitorados, há algum tempo, por terceiros. Após receberem ligação de que os dois estariam hospedados em um hotel na área central da cidade, militares foram até o local, e, ao mostrarem as fotos ao gerente, foi confirmado que o casal estava lá.
“Hoje, por volta do meio dia um mototaxista que viu o vídeo que publiquei, foi até meu box para falar que tinha deixado a mulher num hotel do Centro. Quando avisei os policiais, eles já estavam no local levando os dois para a delegacia”, pontuou. Na delegacia, as vítimas foram chamadas para registrar boletim de ocorrências e reconhecer a mulher.
Policial aposentado, tio de Zenio esteve na delegacia a fim de saber do ocorrido. Em poucas palavras o familiar contou que o casal é usuário de drogas e que há tempos agem de forma errada. “Não posso fazer muita coisa por eles. Se cometeram erros, vão ter que pagar. Somos distantes por conta de atitudes deles que não concordamos. Vim aqui mesmo para saber o que aconteceu e indicar que a família acione um advogado. A mãe dele já tentou de tudo para tirá-lo das drogas”, contou o irmão da mãe do suspeito, sem dar mais detalhes e também sem se identificar.

Nos vídeos abaixo, flagrantes feitos da ação criminosa do casal:


Postar um comentário