Seguidores

domingo, 4 de dezembro de 2016

Manifestações a favor da Lava Jato reúnem milhares de pessoas neste domingo

Manifestantes protestam na Avenida Paulista, em São Paulo, na tarde deste domingo (4), em apoio à operação Lava Jato e contra as mudanças no projeto de lei que trata das 10 medidas de combate à corrupção (Foto: Cris Faga/Fox Press Photo/Estadão Conteúdo)

Manifestantes protestam na Avenida Paulista, em São Paulo, na tarde deste domingo (4), em apoio à operação Lava Jato e contra as mudanças no projeto de lei que trata das 10 medidas de combate à corrupção (Foto: Cris Faga/Fox Press Photo/Estadão Conteúdo)combate à corrupção (Foto: Cris Faga/Fox Press Photo/Estadão Conteúdodão Conteúdo)
As manifestações a favor da Operação Lava Jato e contra a corrupção neste domingo (4) aconteceram de forma pacífica e reuniram milhares de pessoas em todos os 26 estados mais o Distrito Federal. Até as 19h55, os atos foram registrados em 81 cidades e haviam mobilizado 75 mil pessoas, segundo a Polícia, e 474 mil, segundo organizadores. Veja o mapa das manifestações
G1 acompanhou em tempo real os atos pelo país. Veja como foi a cobertura dos protestos
Vestidos principalmente de verde e amarelo, os manifestantes defenderam, entre outros, as dez medidas contra a corrupção propostas pelo Ministério Público Federal. Alguns seguraram faixas em defesa da operação Lava Jato e do juiz Sérgio Moro.
Os alvos principais do protesto foram os presidentes do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). O presidente Michel Temer foi poupado.
Em notas separadas divulgadas durante a tarde, Renan disse que as manifestações são "legítimas" e "devem ser respeitadas", Maia informou que a Casa “recebe com atenção e respeito" as manifestações ocorridas neste domingo, e Temer considerou os atos como "comportamento exemplar" e disse que "demonstra o respeito cívico que fortalece ainda mais nossas instituições".
Fonte: G1


Postar um comentário