Seguidores

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Câmara faz um minuto de silêncio pela "morte de Marisa Letícia"; hospital ainda não confirmou a morte

Estado de saúde da ex-primeira dama, Marisa Leticia é irreversível. Foto: Futura Press
Boletim médico confirma que Marisa Letícia teve morte cerebral, ela ainda continua respirando com ajuda de aparelhos, no entanto, a família já autorizou a doação de órgãos.
Quadro de dona Marisa Letícia era irreversível, segundo médico,  cardiologista Roberto Kalil Filho na noite desta quarta-feira.  Conforme relato do médico, a ex-primeira-dama não tinha mais fluxo cerebral, ela estava sedada, não tem mais atividade cerebral, mas ainda respira  por aparelhos.
Dona Marisa Leticia está na UTI do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Ela passou mal no dia 24 de janeiro no apartamento onde mora em São Bernardo de Campo, no ABC Paulista e foi levada para o pronto-socorro da cidade. Os médicos  diagnosticaram um AVC e ela foi transferida para o hospital Sírio-Libanês, na capital paulista.
A ex-primeira dama chegou consciente ao hospital onde foi submetida a uma operação para estancar o sangramento do cérebro. Após o procedimento ela foi conduzida à UTI. Segundo Kalil, o AVC foi provocado pelo rompimento de um aneurisma que já havia sido diagnosticado há alguns anos.
Segundo informações do médico, dona Marisa passou a sofrer nas últimas horas de anisocoria, quando as pupilas se dilatam e indicam um sintoma de falta de sangue no cérebro.  O ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva está no local com familiares.
Fonte: Estadão/Yahoo Notícias
Postar um comentário