SPIDER

terça-feira, 17 de outubro de 2017

83% dos brasileiros são contra criança tocar homem nu em museu, mostra pesquisa

Resultado de imagem para HOMEM NUNo final de setembro, uma performance artística no Museu de Arte Moderna (MAM), de São Paulo, agitou o Brasil. Uma menina foi filmada manipulando um homem nu, o coreógrafo Wagner Schwartz, que estava deitado no chão do museu, durante uma apresentação de abertura da 35ª Mostra Panorama de Arte Brasileira. A ação estimulada pela mãe foi reprovada por 83% dos brasileiros. Para eles, a criança não deveria ter tocado no adulto naquelas condições, ainda que acompanhada dos pais. 

Este número faz parte de um levantamento do Paraná Pesquisas, realizado entre 10 e 16 de outubro, com 2.365 pessoas, a pedido da Gazeta do Povo. A pesquisa aponta ainda que 9,2% dos entrevistados não veem problema na ação. Outros 7,8% das pessoas ouvidas disseram não ter acompanhado a discussão. 
Entre os pesquisados, a maior taxa de rejeição sobre a participação da criança está entre os homens (85,9%). Entre as mulheres a taxa cai para 80,4%. Na divisão por faixas etárias, 86% dos entrevistados entre 35 e 44 anos consideraram a performance imprópria para menores mesmo com a participação dos pais. O índice cai para 76,9% para pessoas com mais de 60 anos.
Na divisão por regiões brasileiras, a reprovação registrou os seguintes índices: Nordeste (86,3%), Norte e Centro-Oeste (83,6%), Sudeste (81,5%) e Sul (80,8%).

Polêmica 


Após a divulgação do vídeo da criança manipulando o coreógrafo nu, internautas chegaram a considerar o caso como pedofilia e a fazer uma petição online pedindo o fechamento do MAM. Políticos, como o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), e o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB), também publicaram vídeos nas redes sociais se manifestando contra a performance. Também houve grupos e instituições culturais e políticas se expressaram a favor do museu. O Ministério Público do Estado de São Paulo (MP-SP) iniciou uma investigação sobre o incidente. O objetivo é apurar a responsabilidade do MAM na classificação indicativa da performance e se houve violação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), além da divulgação do próprio vídeo em questão.

Danos 

A perfomance envolvendo um homem nu e uma criança também levantou questionamentos sobre a possibilidade disso afetar o desenvolvimento emocional dos pequenos. A Associação Médica Brasileira emitiu uma nota em que afirma não considerar a exposição adequada, uma vez que “expõe nudez de um adulto frente a crianças, cuja intimidade com o corpo humano adulto, de um estranho, pode não ser suficiente para absorver de forma positiva ou neutra essa experiência.” 
Segundo a entidade, situações de nudez, contato físico e intimidade com o corpo são próprias do desenvolvimento humano, desde que ocorram entre pessoas com perfis equivalentes, quanto à idade, maturidade e cultura.

Pesquisa

Um vídeo de uma criança tocando um homem nu durante exposição no Museu de Arte Moderna de São Paulo, (MAM), causou grande repercussão nos últimos dias. Qual a sua opinião sobre o tema?
Fonte: Infografia: Gazeta do Povo. Fonte: Paraná Pesquisas. Metodologia: foram entrevistados 2.365 brasileiros, residentes em 188 municípios e em 26 Estados e Distrito Federal. Tal amostra representativa do território nacional atinge um grau de confiança de 95,0% para uma margem estimada de erro de aproximadamente 2,0% para os resultados gerais. Infografia: Gazeta do Povo.

Postar um comentário