domingo, 20 de maio de 2018

Urgente: 110 magistrados estão sob ameaça no País, diz CNJ

ctv-ojs-cnj--segurana
BRASÍLIA - Levantamento do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), obtido pelo Estado, aponta que 6 em cada mil magistrados estão sob ameaça no Brasil. Os riscos na atuação profissional são maiores para os juízes de primeira instância – a média sobe para 7 em cada mil – e menores para desembargadores, quando o índice cai para 2 por mil. Ao todo, 30 dos 82 tribunais citados na pesquisa relataram casos de ameaças, contabilizando 110 magistrados em situação de risco no ano passado.
Fonte: Rafael Moraes Moura e Amanda Pupo, O Estado de S.Paulo
Foto: André Dusek/Estadão


Nenhum comentário: