DATAHOSTING

Mostrando postagens com marcador TRT. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador TRT. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Concurso TRT 11ª Região AM RR 2016/2017: Inscrições abertas para nível médio e superior! Até R$ 11.822,80!

Resultado de imagem para concursos Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região, que compreende os Estados do Amazonas e Roraima, comunicou que recebe entre os dias 17 de novembro e 12 de dezembro de 2016, as inscrições do concurso público (Concurso TRT 11ª Região AM RR 2016/2017) que serve para preencher 63 vagas nos cargos de Técnico e Analista Judiciário, com requisito de nível médio e superior, respectivamente. Haverá ainda, formação de cadastro reserva para contratação conforme necessidade do órgão.

Cargos e Vagas

De acordo com o edital, 22 vagas são destinadas para Analista Judiciário nas áreas Administrativa, Judiciária, Oficial de Justiça Avaliador Federal, Arquitetura, Arquivologia, Contabilidade, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Estatística, Serviço Social, Tecnologia da Informação, Medicina do Trabalho, Psicologia e Odontologia Os salários chegam a R$ 10.119,93, com exceção da função de Oficial de Justiça Avaliador Federal, que tem remuneração de R$ 11.822,80.
O restante das vagas, 41, são destinadas aos cargos de Técnico Judiciário nas áreas Administrativa, Tecnologia da Informação e Enfermagem. Os salários chegam a R$ 6.167,99.
Os aprovados ainda contarão com auxílio-alimentação no valor de R$ 884,00.

Inscrição Concurso TRT 11ª Região AM RR 2016/2017

As inscrições podem ser feitas no endereço eletrônico oficial da organizadora. A taxa de inscrição custará:
  • Nível Médio: R$90,00; e
  • Nível Superior: R$120,00.
Fundação Carlos Chagas (FCC) coordenará o certame.

Avaliações

Os inscritos no concurso serão avaliados por provas objetivas, a serem aplicadas na data prevista de 19 de fevereiro de 2017, em Boa Vista (RR) e Manaus (AM). Os gabaritos serão divulgados no dia seguinte, a partir das 17h. Os locais e horários serão divulgados em data oportuna.
As provas terão questões de português, raciocínio lógico-matemático, noções de informática, regimento interno do TRT e conhecimentos específicos. A validade do concurso será de dois anos, com possibilidade de prorrogação por igual período.



domingo, 19 de junho de 2016

Concurso TRT 11ª Região AM-RR 2016 é autorizado!

concurso público do Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região (Concurso TRT 11ª Região AM-RR 2016) está autorizado. A Comissão do concurso recebeu da Desembargadora Presidente, Maria das Graças Alecrim Marinho, autorização para realização do concurso que servirá para preencher vagas de nível médio e superior, em diversos cargos no TRT. Além disso, foram divulgados os nomes dos membros da comissão organizadora. A decisão foi tomada em sessão administrativa realizada na última quarta-feira, 08 de junho de 2016.
A Comissão do Concurso TRT 11ª Região AM-RR 2016 tem objetivo de elaborar a minuta do edital e contratar a organizadora do certame que que ofertará vagas para os cargos de técnico e analista judiciário, com exigência de nível médio e superior, respectivamente. Os salários chegam a R$ 6.224 para técnico e R$ 9.662 para analista.

Expectativa do novo Concurso TRT 11ª Região AM-RR 2016

De acordo com a Diretoria de Gestão de Pessoas, no momento está sendo feito um estudo das necessidades de pessoal, por isso ainda não é possível informar quais as áreas serão contempladas. Entretanto, é certo que haverá oportunidades para técnico judiciário administrativo, que exige apenas o nível médio, sem necessidade de formação técnica.
Com a comissão já formada, cresce a expectativa de abertura do concurso. E de acordo com a Diretoria de Gestão de Pessoas, no momento está sendo feito um estudo das necessidades de pessoal, por isso ainda não é possível informar quais as áreas serão contempladas. Porém, já se sabe que haverá oportunidades para técnico judiciário, cargo que tem requisito de nível médio.

Último Concurso TRT 11ª Região AM-RR

O último concurso realizado pelo Tribunal foi em 2011. Na ocasião, foi coordenado pela Fundação Carlos Chagas (FCC). O certame contou com 69 vagas, sendo 39 para técnico judiciário (áreas administrativa, tecnologia da informação e enfermagem) e 30 para analista judiciário (áreas judiciária, administrativa, execução de mandados, tecnologia da informação, arquitetura, engenharia civil e arquivologia).
Do quantitativo de vagas oferecidas para técnico judiciário, 37 foram para a área administrativa, o que demonstra que essa é a carreira que o TRT-AM/RR costuma ter maior necessidade de pessoal. Além disso, houve formação de cadastro reserva (convocação conforme necessidade). Os inscritos foram avaliados por prova objetiva com 60 questões, sendo 25 de Conhecimentos Básicos e 35 de Conhecimentos Específicos.
Assim que o edital for publicado, o Notícias Concursos trará todas as informações referente ao certame. Fique ligado (a)!

segunda-feira, 13 de abril de 2015

TRT-RN apresenta projeto no II Encontro de Boas Práticas da Justiça do Trabalho

O Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-RN) participou do II Encontro Nacional de Boas Práticas da Justiça do Trabalho que ocorreu entre os dia 09 e 11 de abril, em Porto Seguro (BA), e reuniu projetos nas áreas jurídicas e administrativas de diversos TRTs do país e do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT).

Estiveram presentes no encontro, a vice-presidente do TRT-RN, desembargadora Auxiliadora Rodrigues, o juiz auxiliar da presidência Cacio Oliveira Manoel, e o assessor de planejamento e qualidade, Rafael Barbosa Andrade, que apresentou o "Programa de Monitoramento e Avaliação de Desempenho Operacional do 1º grau do TRT da 21ª Região" como exemplo de boa prática para a Área Fim desenvolvida no TRT-RN com objetivo de assegurar a efetividade da prestação jurisdicional.

O Programa do TRT-RN foi um dos 44 projetos escolhidos para participar do II Encontro de Boas Práticas e possui como princípios o planejamento, a coordenação, a comunicação/informação e a transparência.
A partir do Programa de Monitoramento e Avaliação de Desempenho Operacional do 1º grau do TRT da 21ª Região, é possível estabelecer procedimentos padronizados de acompanhamento das metas nacionais do Poder Judiciário e do Índice de Produtividade Comparada da Justiça (IPC-Jus), com foco na ação preventiva e individualizada.

O acompanhamento promovido pelo Programa permite ao TRT-RN observar oportunamente a necessidade de tomar medidas administrativas e operacionais necessárias ao cumprimento das metas e ao ganho de produtividade.

"Logo após a apresentação, representantes de outros Regionais do Trabalho já buscaram o nosso contato para mais informações sobre o Programa de Monitoramento e nós, também, ficamos atentos aos bons exemplos desenvolvidos em outros TRTs", disse Rafael Barbosa.
O II Encontro Nacional de Boas Práticas foi promovido pelo Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT-BA) com o principal objetivo de promover o aperfeiçoamento das rotinas de trabalho nos regionais.

Neste ano, foram inscritos 140 projetos, mas somente 44 foram selecionados dentro dos critérios estabelecidos pela Comissão de Organização do evento.
Em 2014, foram mais de 90 trabalhos e projetos inscritos no primeiro encontro de boas práticas, que ocorreu em Alagoas. Trinta e seis foram selecionados e distribuídos em painéis temáticos, com temas sobre memória, gestão documental, saúde, tecnologia da informação, gestão estratégica, treinamento, gestão de pessoas, atividade judiciária e gestão socioambiental.

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

TRT-RN publica relação de aprovados para Programa de Estágio Remunerado





O Serviço do Pessoal do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região divulgou o resultado da seleção para o Programa de Estágio Remunerado que contemplou estudantes nas cidades de Natal e Currais Novos.

As vagas são para os cursos de Direito e Ciências Contábeis e, também, para alunos de curso técnico em Informática para Internet.

Confira o resultado:


NATAL/RN

 TÉCNICO EM INFORMÁTICA PARA INTERNET


CLAS.
ESTUDANTE
UNIVERSIDADE
  1.  
Lucas Gabriel Ferreira Alves de Sousa
IFRN
  1.  
Cibele Barros Costa
IFRN
  1.  
Luis Henrique Matias Viana
IFRN
  1.  
Yves Cabral Mariano
IFRN
  1.  
Ianka Tenório Pereira
IFRN
  1.  
Samuel Leandro de Almeida
IFRN
  1.  
Patrícia Simone Sales
IMD - UFRN


CANDIDATOS A ESTÁGIO QUE NÃO ATENDERAM OS REQUISITOS


Nº.
ESTUDANTE
UNIVERSIDADE
MOTIVO
1.
Mariana de Melo Monteiro
IFRN
Não serão aceitas as inscrições de estudantes que estiverem cursando último período da grade curricular do seu curso, conforme item 2, II, do Edital 01/2014.
2.
Larissa de Freitas Fontes
IFRN
3.
Jaiana Xavier Santos
IFRN
4.
José Emanoel Simoa da Silva
IFRN






CURRAIS NOVOS/RN

DIREITO

CLAS.
ESTUDANTE
UNIVERSIDADE
1.
Rayssa Tâmara Lima de Medeiros
UFRN
2.
Elcio Silvino da Silva
ESTÀCIO


CIÊNCIAS CONTÁBEIS

CLAS.
ESTUDANTE
UNIVERSIDADE
1.
Daiane Karla Dantas Alves
UFRN



CANDIDATO A ESTÁGIO QUE NÃO ATENDEU OS REQUISITOS


Nº.
ESTUDANTE
UNIVERSIDADE
MOTIVO

1.

Beatriz Emília Dantas de Lucena

UFRN
Não estava no momento da inscrição cursando, no mínimo, uma disciplina de Direito do Trabalho, conforme Item 2 do Edital 01/2014.

quinta-feira, 12 de junho de 2014

TRT-RN: Sintro/RN deve manter 70% da frota de ônibus circulando em Natal no horário de pico


O desembargador Carlos Newton Pinto, do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-RN), acaba de conceder liminar em favor do Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros do Município de Natal (Seturn), determinando que o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado do Rio Grande do Norte (SINTRO/RN) mantenha o funcionamento mínimo de 70% da frota nos horários de pico, compreendido como o horário das 5h às 9h e das 16h às 20h, e 50% fora do pico, durante o período de greve dos rodoviários, iniciada à zero hora de hoje.

Em caso de descumprimento, haverá a aplicação de uma multa diária de R$ 100 mil aos seus dirigentes e empregados desta categoria.

Na decisão, o magistrado também determina que o SINTRO/RN se abstenha de realizar atos que extrapolem o direito de greve, tais como o fechamento de ruas e avenidas, depredação de ônibus e garagens, fechamento dos acessos às garagens das empresas, impedimento ao trabalho dos empregados que não aderirem ao movimento paredista, dentre outras que inviabilizem a manutenção do serviço público de transporte.

O magistrado autorizou, também, a requisição de força policial, caso haja necessidade para o cumprimento integral da determinação judicial.

Com essa decisão de Carlos Newton, o TRT-RN unifica sua posição em relação à greve dos ônibus intermunicipais, metropolitanos e urbanos. Decisão liminar semelhante já havia sido tomada, ontem há noite, pelo presidente do TRT-RN, desembargador José Rêgo Júnior, no julgamento de um pedido do Sindicato das Empresas de Transporte Intermunicipal (SETRANS/RN).

O desembargador Carlos Newton Pinto marcou uma audiência de conciliação no Dissídio Coletivo entre motoristas e empresas para a próxima quarta-feira (18), às 8h30, na sala da 1ª Turma de Julgamento do TRT-RN.

O relator do Dissídio será o desembargador Eridson João Fernandes Medeiros. A Prefeitura de Natal também foi intimada a participar dessa audiência.

Os rodoviários pedem um reajuste de salário em 16% e a elevação do valor do vale alimentação do motorista de ônibus de R$ 197,35 para R$ 450,00. A direção do Seturn argumenta que não tem condições de conceder esses reajustes, tendo em vista que o valor da tarifa de ônibus em Natal não sofre reajuste há 42 meses.

Processo: Dissídio Coletivo nº 0000119-63.2014.5.21.0000

quinta-feira, 24 de abril de 2014

TRT-RN condena Itaú Unibanco em R$ 5 milhões por dano moral coletivo

O Itaú Unibanco foi condenado a pagar R$ 5 milhões por dano moral coletivo. O banco é acusado pelo Ministério Público do Trabalho de impor sobrecarga de trabalho aos seus empregados no Rio Grande do Norte.
  
O juiz Carlos Eduardo Marcon, da 5ª Vara do Trabalho de Natal, reconheceu que a empresa, “de forma clara, consciente e deliberada, pratica condutas com nítido interesse de obter vantagem econômica, reduzindo o número de funcionários, aumentando as metas, exigindo forças superiores dos trabalhadores, com vistas a incrementar seu lucro desmedidamente”.

A decisão foi tomada pelo juiz Marcon no julgamento de uma ação civil pública movida pelo Ministério Público do Trabalho (MPT/RN) contra a prática do banco.
Em decisão liminar anterior, o Itaú Unibanco já estava obrigado a cessar as irregularidades, sob pena de multa de R$ 20 mil por dia de descumprimento, medida que foi mantida na condenação.

O juiz reconheceu, em sua sentença, as irregularidades trabalhistas comprovadas pelos depoimentos de empregados atuais e ex-funcionários, colhidos durante investigação do MPT/RN.


Segundo a ação, as metas aumentavam subitamente de um mês para outro, alcançando um incremento de 100%, sendo exigidas, ainda, metas coletivas, que dependiam de todos os empregados de uma agência.

O não atingimento das metas implicava na redução da remuneração e até na demissão do bancário.

A condenação do juiz do trabalho Carlos Eduardo Marcon manteve as determinações da decisão liminar e fixou, ainda, a indenização por dano moral coletivo, no valor de R$ 5 milhões contra o banco.


Vale destacar que representantes do banco sequer compareceram ao julgamento, sendo a empresa, com isso, considerada revel e confessa.

Dentre as obrigações impostas, o Itaú Unibanco agora terá que contratar, no prazo de seis meses, bancários em quantidade suficiente para pôr fim ao ambiente hostil à saúde física e mental dos bancários, atualmente existente nas agências do Rio Grande do Norte.

terça-feira, 8 de abril de 2014

TRT-RN discute o pagamento de precatório do município de Portalegre


O prefeito de Portalegre, município da região oeste do estado, Manoel de Freitas Neto, tem audiência nesta quarta-feira (9), às 11:00 h, no Serviço de Precatório Requisitório do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-RN).

A audiência será conduzida pela juíza do trabalho Lisandra Cristina Lopes e discutirá o pagamento de um precatório de 2014, o valor de R$ 308.084,00, que beneficia 57 servidores do município.

segunda-feira, 24 de março de 2014

TRT-RN: Mapa mostra situação dos precatórios trabalhistas dos municípios do Rio Grande do Norte


O mapa do pagamento de precatórios que o Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Norte (TRT-RN) criou para ilustrar as negociações com as prefeituras registrou, no mês de março de 2014, um considerável avanço.

Dividido em cinco cores, cada uma identifica a situação do município referente ao pagamento de seus precatórios.

A cor vermelha indica o município que tem precatórios não negociados com o tribunal, como é o caso de Natal. 

O amarelo simboliza aquele município com dívidas incluídas no orçamento 2014/2015. Ao todo, existem no Rio Grande do Norte seis municípios nessa situação.

O laranja indica os que negociaram parcialmente seu débito, num total de 27 até agora.

A cor verde é para os 73 municípios que negociaram o total de suas dívidas de precatórios e o azul representa aqueles municípios que não possuem dívida com a Justiça do Trabalho, num total de 60 prefeituras.

Balanço – Em três dias de audiências, neste mês de março, a juíza do trabalho Lisandra Cristina Lopes homologou termos de compromisso com os municípios de Governador Dix-Sept Rosado, Boa Saúde, Messias Targino, Passa e Fica, São Fernando, Tenente Laurentino Cruz, Frutuoso Gomes, Vera Cruz, Extremoz, São Bento do Trairi, Tibau e Pendências. 

Essas negociações envolveram valores superiores a R$ 3,2 milhões. A maior parte desse valor se refere a precatórios que vencerão somente em dezembro deste ano, além do pagamento de algumas Requisições de Pequeno Valor (RPV). 

Só neste ano, o TRT-RN já negociou cerca de R$ 9 milhões em precatórios. A maior negociação deste mês foi com o município de Frutuoso Gomes. O prefeito Lucídio Jácome Ferreira parcelou a dívida de R$ 1 milhão 170 mil em 60 parcelas de R$ 19.500,00.

Para melhorar, ainda mais, o resultado das negociações de precatórios, uma nova pauta de audiências de conciliação já foi marcada para o dia 3 de abril, com os municípios de Lagoa de Velhos, Lagoa D'anta, Assu, Rui Barbosa, Afonso Bezerra, Grossos, Marcelino Vieira e São Tomé.

ASSECOM/TRT/RN

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

TRT-RN inicia negociação dos precatórios e RPVs de Natal e de mais 21 municípios

Prefeitos de 21 municípios e mais um diretor de uma empresa de águas e esgotos voltam a negociar com a Justiça do Trabalho, a partir desta terça-feira (25), o pagamento de suas dívidas com Precatórios e Requisições de Pequeno Valor (RPVs).

A maioria dos precatórios que serão negociados na primeira pauta de audiências de 2014 é de processos cujo prazo final para pagamento vence no último dia útil de dezembro deste ano. Os precatórios são dívidas de entes públicos já devidamente julgados e que não cabem mais recursos.

As audiências serão presididas pela juíza do Trabalho Lisandra Cristina Lopes, responsável pela conciliação e negociação de Precatórios do Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Norte (TRT-RN).

O prefeito de Ceará-Mirim, Antonio Peixoto, é um dos que tem audiência nesta terça-feira. No ano passado, o município fez um acordo parcial da sua dívida com o tribunal e voltará para discutir o pagamento do saldo remanescente nesta nova audiência.

No ano passado, o tribunal negociou a quitação ou o parcelamento das dívidas com todas as prefeituras que tinham precatórios a vencer em dezembro de 2013. A exceção foi o município de Natal, que acabou sendo incluído no Banco Nacional de Devedores Trabalhistas, há alguns dias.

O município de Natal também tem audiência de conciliação marcada para às 15:00 horas desta terça-feira.

Confira a pauta das audiências deste mês de fevereiro:

Dia 25/02/2014 (terça-feira)

9:00h – MUNICÍPIO DE SÃO PAULO DO POTENGI - Prefeito: José Leonardo Cassimiro de Araújo. Negociar as condições de pagamento dos valores cobrados mediante o procedimento de Requisições de Pequeno Valor (RPVs).

9:30h – MUNICÍPIO DE CEARÁ-MIRIM - Prefeito: Antônio Marcos de Abreu Peixoto. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento de 2013.

10:00h – MUNICÍPIO DE GUAMARÉ - Prefeito: Hélio Willamy Miranda da Fonseca.
Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento 2014.

10:30h – MUNICÍPIO DE PASSAGEM. Prefeito: José Pereira Sobrinho. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento de 2014.

11:00h – MUNICÍPIO DE ALTO DO RODRIGUES. Prefeito: Abelardo Rodrigues Filho. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento 2014.

11:30h – MUNICÍPIO DE AREIA BRANCA. Prefeita: Luana Pedrosa Bruno. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento de 2014.

11:40h – SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUAS E ESGOTOS DE SÃO JOSÉ DE MIPIBU. Diretor: Adilson de Oliveira Bezerra. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos nos orçamentos de 2014.


Dia 26/02/2014 (quarta-feira)

9:00h – MUNICÍPIO DE ARÊS. Prefeito: Erço de Oliveira Paiva. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento 2014.

9:30h – MUNICÍPIO DE BOA SAÚDE. Prefeito: Paulo de Souza Segundo. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento de 2013.

10:00h – MUNICÍPIO DE ENCANTO. Prefeito: Alberone Neri de Oliveira Lima.  Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento 2014

10:30h – MUNICÍPIO DE FELIPE GUERRA. Prefeito: Haroldo Ferreira de Morais. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento de 2014

11h – MUNICÍPIO DE FRUTUOSO GOMES. Prefeito: Lucídio Jácome Ferreira. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento 2014

11:30h – MUNICÍPIO DE GOIANINHA. Prefeito: Geraldo Rocha e Silva Júnior. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento de 2014

11:40h – MUNICÍPIO DE VIÇOSA. Prefeito: Antônio Gomes de Amorim. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos nos orçamentos de 2014


Dia 27/02/2014 (quinta-feira)

8:50h – MUNICÍPIO DE SANTA MARIA. Prefeita: Celina Amélia Câmara de Moura. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento 2014

9:00h – MUNICÍPIO DE MESSIAS TARGINO. Prefeito: Arthur de Oliveira Targino. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento de 2013.

9:30h – MUNICÍPIO DE NOVA CRUZ. Prefeito: Cid Arruda Câmara. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento 2014.

10h – MUNICÍPIO DE PARELHAS. Prefeito: Francisco de Assis Medeiros. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento de 2014

10:30h – MUNICÍPIO DE PENDÊNCIAS. Prefeito: Ivan de Souza Padilha. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento 2014

11:00h – MUNICÍPIO DE GOVERNADOR DIX-SEPT ROSADO. Prefeito: Anaximandro Rodrigues do Vale Costa. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos no orçamento de 2014

11:30h – MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DO SERIDÓ. Prefeito: Jackson Dantas. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos nos orçamentos de 2014

11:40h – MUNICÍPIO DE SERRA DE SÃO BENTO. Prefeito: Emanuel Faustino da Silva. Negociar as condições de pagamento dos precatórios inscritos nos orçamentos de 2014.

Assecom/TRT-RN